13/02/2011

Obscure II

Nunca fui fã de jogos do estilo suspense/terror/horror... Na verdade gostava dos gráficos, jogava uma ou outra fase de Resident Evil, Arquivo X, Van Helsing, mas não passava disso... Esses jogos me deixavam entediado... Não via muita graça em sair matando, o jogo não parecia prosperar e eu não tinha paciência para quebrar a cabeça procurando chaves para abrir portas nesse tipo de jogo...
Mas isso foi antes de eu ser apresentado por minha prima ao Obscure II. A princípio eu baixei a trilha sonora, que é genial e sombria. Gosto de músicas melancólicas e a trilha do jogo estimula o suspense com violinos, coral fantasmagórico e tudo o que há de mais sombrio no rock. No início do jogo o que mais me chamou a atenção foram os personagens e a jogabilidade. É possível jogar em dois jogadores e minha irmã nos divertimos na cooperação que é requerida entre o player 1 e o player 2 no jogo. Os personagens são bastante esteriotipados e muito característicos. Cada qual com uma habilidade diferente que o destaca e há momentos em que a escolha do personagem certo para tal situação é crucial.
Mesmo sem ter jogado seu antecessor, eu comecei a pirar enquanto passava as fases. A sede pela descoberta do que ia acontecer a seguir era perturbadora, alguns dos muitos personagens com quem se pode jogar foram morrendo durante o jogo e cheguei ao ponto de ficar revoltado com tamanha injustiça que foram essas mortes. Por que tiveram que morrer? Eram tão legais de se jogar...
A história é sobre uma flor que os jovens encontram e começam a usar como droga. Porém esta flor causa alucinações e mutações e quando se dão conta a universidade está repleta de criaturas assustadoras, além de um estranho vilão com uma moto-serra em mãos. Jogo envolvente, jogabilidade interessante, clímax e trilha sonora de arrepiar, mortes  e reviravoltas frustrantes na história e muitos e muitos tiros fazem de Obscure II o primeiro jogo do gênero que despertou verdadeiramente meu interesse. Agora que zerei, em duas semansa de jogo, estou triste... Preciso jogar o primeiro da série e esperar ansiosamente o lançamento do terceiro.

x/)an.

2 comentários:

André Walker disse...

Nunca consegui jogar esse tipo de jogo! Não duro dois minutos sem vir um outro bonequinho e me matar O.o
triste isso!

Frankie disse...

ObsCure, certamente , é um dos meus games favoritos ! Está entre o 1º e 3º . Enfim . Também me chateei pelas mortes de alguns personagens . Sofri tudo com todos eles. A cada morte, era como se estivesse matando alguém muito querido por mim. Este game, mexeu muito comigo também. Eu ficava enlouquecendo para jogar e jogar mais e mais. Aff' s, me viciei ! Obviamente. Mas, quero mais e mais sequencias de ObsCure. ! *--*